SINDICATO DOS BANCÁRIOS DE CATANDUVA E REGIÃO

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 14/09/2021

Itaú: Sindicato alerta que retorno ao trabalho presencial é precipitado



O banco Itaú convou reunião com a Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Itaú na tarde da última quinta-feira (9) para negociar o retorno ao trabalho presencial dos trabalhadores que estão em home office.

Os representantes dos empregados foram contra e cobram negociação para garantir um retorno programado, baseado em critérios científicos, com percentual de imunização superior a 70%, para não colocar em risco a saúde dos trabalhadores. Desde 1º de setembro, o banco permitiu que trabalhadores voluntários dos prédios administrativos voltem gradativamente aos locais de trabalho. “Os sindicatos de todo o Brasil relataram denúncias de pressão de gestão para o retorno. Eles forçam os trabalhadores a se voluntariarem. Nós não iremos tolerar esse tipo de atitudes da chefia”, afirmou Jair Alves, coordenador da COE Itaú.

Membros do movimento sindical também cobraram como o departamento de saúde do trabalhador irá se comportar neste retorno. (As pessoas serão examinadas, analisadas, terá algum tipo de acompanhamento por parte do banco?)”

O Itaú informou que existe fiscalização para garantir o respeito aos protocolos de saúde e segurança e que todo o sistema de infraestrutura do banco permanecerá híbrido, para evitar aglomerações nos escritórios. 

Retorno às agências

Conforme acertado nos últimos encontros, o banco comunicou aos dirigentes sindicais, antes mesmo de publicar comunicado interno, o retorno, obrigatório a partir de 4 de outubro, das pessoas do grupo de risco de agências e que tem o ciclo vacinal completo. Sendo opcional a partir de 20 de setembro.

Caso alguém não tenha tomado as duas doses, o banco vai aguardar a data da segunda dose, mais 14 dias, período de imunização completa, para cobrar o retorno.

As gestantes de agência não retornarão ao trabalho presencial em todo o Brasil.

COE é contrária ao retorno

Depois da reunião com o banco, a COE do Itaú, que representa o Sindicato nas negociações, reuniu-se internamente e definiu pela posição contrária ao retorno presencial neste momento, devido ao baixo índice de imunizados em todo o Brasil e a incerteza da vacinação em algumas localidades. Os representantes dos trabalhadores também cobram do banco um acompanhamento médico individualizado para os funcionários do grupo de risco que retornarem.

“Queremos acompanhar o retorno desses trabalhadores, entender os protocolos e sugerir melhorias visando a saúde da categoria. Garantir a segurança e integridade de bancários e bancárias é a nossa prioridade no processo de retorno ao presencial, e cobramos para que todas os protocolos sejam cumpridos", ressaltou o secretário geral do Sindicato, Júlio César Trigo.

Os trabalhadores que se sentirem pressionados ou ameaçados devem entrar em contato com o Sindicato, por meio de um dirigente sindical ou dos contatos abaixo, para que providências sejam tomadas. O sigilo é garantido.

Procure o Sindicato

O Sindicato está monitorando todos os locais de trabalho e alertando os bancários. Como as informações estão sendo atualizadas constantemente, deixamos aqui nossos canais de comunicação.

> Está com um problema no seu local de trabalho ou seu banco não está cumprindo o acordado? CLIQUE AQUI e denuncie. O sigilo é absoluto.

> Você pode entrar em contato diretamente com um de nossos diretores através de seus contatos pessoais. Confira: Roberto Vicentim - (17) 99135-3215, Júlio Trigo - (17) 99191-6750, Antônio Júlio Gonçalves Neto (Tony) - (17) 99141-0844, Sérgio L. De Castro Ribeiro (Chimbica) - (17) 99707-1017, Luiz Eduardo Campolungo - (17) 99136-7822 e Luiz César de Freitas (Alemão) - (11) 99145-5186

> Redes Sociais: nossos canais no Facebook e Instagram estão abertos, compartilhando informações do Sindicato e de interesse da sociedade sobre a pandemia.

> Quer receber notícias sobre o seu banco? Cadastre-se em nossa linha de transmissão no WhatsApp. Adicione o número (17) 99259-1987 nos seus contatos e envia uma mensagem informando seu nome, banco e cidade em que trabalha.



Fonte: Seeb SP, com edição de Seeb Catanduva
MAIS NOTICIAS
« voltar 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 avançar »
TOPO