banner
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 12/01/2018

Bancários de Catanduva: Mobilização em defesa do banco público marca os 157 anos da Caixa Federal


Diretores em atividade pela defesa da Caixa nesta sexta, dia em que o banco comemora 157 anos / Foto: Seeb Catanduva
Nesta sexta-feira (12), dia em que a Caixa Econômica Federal completa 157 anos, diretores do  Sindicato dos Bancários de Catanduva estiveram em atividade nas agências de sua base territorial  para reforçar a luta em defesa da instituição, contra a política de desmonte imposta pelo governo Temer e as ameaças de privatização ao banco público.
A mobilização também reivindicou a valorização dos empregados e denunciou o fechamento de agências, redução de funcionários, extinção de departamentos e entinção de programas sociais, entre outras medidas de reestruturação, que precarizam o atendimento e colocam em risco a função social do banco no desenvolvimento do país e no combate à desigualdade.

Durante a atividade, os diretores dialogaram com clientes e bancários e entregaram à população uma carta aberta, enfatizando a necessidade de ampliação da resistência, com mobilizações constantes em defesa da instituição, seja nos locais de trabalho ou nas ruas.
 
“A Caixa é responsável pelo repasse de importantes programas, como o o Fies e o Bolsa Família. Também é o banco do FGTS, do PIS, do Seguro-Desemprego e líder na concessão de crédito habitacional, fundamental para que milhares de pessoas realizem o desejo da casa própria. Sempre foi muito mais que um banco e por isso é  tão importante que toda a sociedade esteja unida e organizada em sua defesa”, ressalta o presidente do Sindicato Roberto Carlos Vicentim.
 
Caixa surgiu associada à realização de sonhos dos brasileiros e assim se manteve ao longo dos seus 157 anos de existência. Só em 2016, o banco realizou 70% dos financiamentos habitacionais no país, com 355 mil unidades entregues. Nos primeiros meses de 2017, o lucro líquido foi de R$ 6,2 bilhões, um crescimento de 84,5% na comparação com o mesmo período de 2016. Ainda assim, de janeiro a setembro do ano passado, mais de 7 mil postos de trabalho foram fechados no país, o que significa menos bancário para atender uma demanda super elevada de mais de 86 milhões de clientes.
 
Junte-se a nós na luta contra os ataques do capital. Defenda a Caixa você também! 


 

 



Fonte: Seeb Catanduva
MAIS NOTÍCIAS
« voltar 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 avançar »
TOPO